sábado, janeiro 31, 2009

Reflexões...

Poderia ser numa qualquer rua ou praça de Lisboa, do Porto, de Braga, de Setúbal, de Coimbra ou doutra qualquer cidade portuguesa.

Os excluídos tem-se multiplicado e o que tem sido feito?

Serão todos eles toxicodependentes ou com um passado de risco?

Não…

Os ventos da fortuna estão a mudar, houve quem caísse no desemprego, perdesse a casa, a empresa, a família…

E tenha desistido de viver.

Para não falar daqueles que vão comer directamente ao contentor do lixo, como vi há uns anos atrás, na Lisboa que adormece, na Praça do Comércio ou na Mouraria.

Cada vez são maiores os sinais de desigualdade e de exclusão social, os ricos estão cada vez mais ricos e os pobres cada vez mais pobres.

Quase não há lugar para o meio-termo.

Àqueles que caíram na rua ninguém apoia.

Quem auxilia as empresas que estão em risco de fechar?

Agora ninguém se questiona sobre os lucros fabulosos da banca de há um ano atrás, vá apoiem-nos…

Para onde foi tanto dinheiro?

Desapareceu…

Coitados dos Senhores Banqueiros…

Estão em risco de tudo perderem…

Portugal, um estranho país, terra de múltiplos contrastes, em que o poder, a riqueza e a miséria convivem lado a lado…




Por Coimbra, Pelo Choupal

O Movimento Cívico Plataforma do Choupal acaba de lançar uma petição-line contra o traçado do novo IC2 em Coimbra que prevê uma nova ponte sobre o rio Mondego e um viaduto sobre a Mata Nacional do Choupal. Apelamos a todos que nos ajudem a recolher assinaturas para travar este projecto. Para tal, basta assinar a petição on-line e reenvia-la para os seus contactos.


Se já assinou a petição em papel, não deve assinar esta também.

Para aceder à petição:

http://www.PetitionOnline.com/choupal/petition.html

Domingo, dia 15 de Fevereiro de 2009, entre as 11 e as 16horas, Grande Concentração, no Choupal/Acção de Protesto


Plataforma do Choupal

http://almapatria-patriaalma.blogspot.com/2009/01/em-defesa-do-choupal.html



sexta-feira, janeiro 30, 2009

Led Zeppelin & Orchestra – Kashmir


Led Zeppelin & Orchestra - Kashmir


Gravado no passado dia 1 de Novembro de 2006, em Houston, Estados Unidos

Oh, let the sun beat down upon my face, stars to fill my dream
I am a traveler of both time and space, to be where I have been
To sit with elders of the gentle race, this world has seldom seen
They talk of days for which they sit and wait, all will be revealed

Talk and song from tongues of lilting grace, sounds caress my ear
But not a word I heard could I relay, the story was quite clear
Ohh
(Chorus)

Oh, oh
Oh, oh

Oooh, baby I've been Flying... Mama, there ain't no denyin'
Oooh yeah, I've been Flying, Mama ain't no denyin', no denyin'

All I see turns to brown, as the sun burns the ground
And my eyes fill with sand, as I scan this wasted land
Trying to find, trying to find where I've been.

Oh, pilot of the storm that leaves no trace, like thoughts inside a dream
You've the map that led me to that place, yellow desert stream
My Shangri-La beneath the summer moon, I will return again
Sure as the dust that blows high in June, when moving through Kashmir.


Oh, father of the four winds, fill my sails, across the sea of years
With no provision but an open face, along the straits of fear
ohh
(Chorus)

When I'm on, when I'm on my way, yeah
When I see, when I see the way they stay, yeah

Ooh, yeah-yeah, ooh, yeah-yeah, when I'm down...
Ooh, yeah-yeah, ooh, yeah-yeah, well I'm down, so down
Ooh, my baby, oooh, my baby, let me take you there

Let me take you there
Let me take you there

Absolutamente fabuloso…

Mais sobre os Led Zeppelin:

http://kafekultura.blogspot.com/2007/05/led-zeppelin.html

http://kafekultura.blogspot.com/2007/09/led-zeppelin-stairway-to-heaven.html

http://www.ledzeppelin.com/

Sobre Kashmir:

http://thishereboogie.com/kashmir-led-zeppelin/


Coimbra Antiga (20)

Hotel Astória


Tricana


Igreja de Santa Cruz

segunda-feira, janeiro 26, 2009

O Nascimento do IV Reich

Decorridos estão quase dois anos (emendem-me se eu me tiver enganado), desde que arrebentou a crise do sub prime nos EUA, sacrificando a classe média naquele país.

O Banco Central Europeu acorreu injectando dinheiro no sistema e hipotecando o futuro europeu.

Afinal quão grande seria o buraco?

Mês após mês, a crise foi ganhando volume, arrastando banco, atrás de banco, um a um foram caindo primeiro nos EUA, depois na Europa, e depois pela Ásia e por esse mundo fora, consequências da Globalização.

A Crise financeira assemelha-se a um buraco negro que consumirá nações, bancos, empresas e por último, os trabalhadores e a base do sistema, a família.


Outro facto, há cerca de 7 meses atrás, foi aprovado o novo horário de trabalho, pela União Europeia a aplicar, na Europa – 65 horas, por semana.

Sim, leu bem...

E já conhecemos o resto da cantilena, a mobilidade dos trabalhadores, o emprego para a vida já era...

Tudo isto passou despercebido, jogava-se o Europeu de Futebol, os media estavam apontados para a Áustria e para a Suíça.

A notícia saiu nos jornais espanhóis, por cá passou despercebida...


Os culpados desta crise onde é que estão?

Há algum preso?

Quem são?

Governantes, políticos, banqueiros, corretores da bolsa e especuladores financeiros...

Parece que escolheram o momento para agirem e para darem o golpe do baú.

A mando sabe-se lá de quem, há quem fale do Clube de Bilderberg, da Trilateral, dos Iluminatti, da Maçonaria.

Executaram um sinistro plano, ainda em prática e há muito delineado.

Agora estou convencido que tudo jamais regressará à normalidade.

Estamos num final de ciclo.


Sabemos o que se seguiu à Grande Depressão de 1929: A Ditadura, sob várias formas: Nazismo, Fascismo e Comunismo.


E agora o que se segue?


Uma Ditadura imposta na Europa, pela União Europeia e outra análoga agregando os países da América do Norte, tendo por vista...


Um Governo Mundial.


E aqueles que resistem isoladamente são devorados, como aconteceu à Islândia, de nº 1 da economia mundial, em dias, passou para a bancarrota, sem governo, um estado à beira do colapso!


E que dizer das fábricas que encerraram e pouco a pouco foram deslocalizadas para a China.


Pouco, a pouco, os trabalhadores ficarão reféns dos bancos, do grande capital, quais escravos à espera do amo.


E que dizer dos aldrabões que nos governam e sempre nos governaram...?


O que aconteceu na Grécia há cerca de dois meses será o prelúdio da batalha que se irá travar nas ruas, por água e por comida.


E como controlarão a multidão enfurecida?


Com o exército...


Ao caos suceder-se-à a ordem imposta pela brutalidade.


Resguarde-se-ão em condomínios de luxo protegidos por exércitos privados, impondo a escravatura aos restantes.


Esperem e verão...


Mil anos duma nova era que se avizinha, à semelhança do que prometia o nazismo, agora debaixo da Era de Aquário.


Estejam atentos...


Alea Jacta est!





quinta-feira, janeiro 22, 2009

O Lugar de W.

In http://www.guardian.co.uk/world/cartoon/2009/jan/18/riddell-cartoon-obama-inauguration-bush

terça-feira, janeiro 20, 2009

A NAIFA- "A música"

A Naifa - Monotone

João Aguardela, dos Sitiados à Naifa

Sitiados (foto http://rockemportugal.blogspot.com)

O João era um criativo e um verdadeiro animal de palco e deixou-nos cedo demais, antes de perfazer os 40 anos, vítima de um cancro.


João Aguardela, ao Blitz

Tinha ainda muito para dar à música portuguesa, aquele que foi o mentor dos Sitiados, Megafone, Linha da Frente (com Luís Varatojo – Peste e Sida ou Despe e Siga) e Naifa (novamente com Luís Varatojo).


João Aguardela, com a Naifa, no baixo

Esta vida de marinheiro está a dar cabo de mim...



Os Sitiados, uma banda inovadora e promissora

Para a posterioridade, fica a discografia dos Sitiados:

  • Sitiados (1992)

  • E agora?! (1993)

  • Triunfo dos Electrodomésticos (1995)

  • Sitiados (1996)

  • Mata-me Depois (1999)



A Naifa

Três registos fonográficos gravou Aguardela com os Megafone.


Com a Linha da Frente, gravou um único trabalho em 2002.


Com a Naifa:

  • Canções Subterrâneas (2004)

  • 3 Minutos Antes de a Maré Encher (2006)

  • Uma Inocente Inclinação para o Mal (2008)


Recordo a frase de Carlos Moisés, da Quinta do Bill, ao DN, sobre o João Aguardela:

«Era um criativo à procura de novas roupagens para as nossas raízes da música tradicional.»




segunda-feira, janeiro 19, 2009

A Naifa - Señoritas

Sitiados - Outro Parvo no meu Lugar

Os Sitiados e João Aguardela


Sitiados – Vamos ao Circo


1969-2009 – Recordando João Aguardela


«Foi ontem, no hospital da Luz, em Lisboa. João Aguardela, músico do grupo Sitiados nos anos 90 e, actualmente, membro do colectivo A Naifa, faleceu aos 39 anos, de cancro. A cerimónia fúnebre é amanhã, pelas 16h00, no cemitério do Alto de São João, em Lisboa.



Sitiados – Vida de Marinheiro



Aguardela fundou os Sitiados em l987, liderando, cantando e tocando baixo. Foi com esse projecto que começou a dar nas vistas na década de 90. Desde cedo ficou explícito que a sua ideia era combinar música tradicional portuguesa com linguagens como o rock ou a pop, um desígnio de fusão que nunca abandonou, como se constataria mais tarde com A Naifa e Megafone. (...)»

Mais em:

http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1356734&idCanal=42




Sitiados – O Triunfo dos Electrodomésticos

Sexo no Futuro

video

sábado, janeiro 17, 2009

Faixa de Gaza, O Novo Gueto


Os israelitas tem a memória curta. Já não se lembram das privações, que passaram no Gueto de Varsóvia, após a derrota militar da Polónia, às mãos dos nazis.
Foram tempos de sofrimento, que agora parecem querer repetir noutro papel, de vítimas, passaram a algozes, proporcionando privação e muitas lágrimas, ao povo palestino perante a complacência do mundo.
O 4º maior exército do mundo em homens e em equipamento, como se pode ver nas imagens que nos chegavam versus alguns homens armados do Hamas, numa luta desigual, David contra Golias.
Mais uma vez, a ONU assistiu impotente a um conflito. Acentuam-se cada vez mais os paralelismos entre a ONU e a defunta Sociedade das Nações.
Enfim, a História repete-se e ninguém parece aprender com os erros do passado, interrogo-me para onde vai este Mundo?
Que a loucura da Guerra dê lugar à Paz...

Israel e a lógica da guerra, em:

http://ultimahora.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1356501&idCanal=11


sexta-feira, janeiro 16, 2009

Citações de Bob Marley (4)

"Se você obedece

todas as regras,

acaba perdendo a diversão"

"Deus me enviou à terra com uma missão

Só ele pode me deter

Os homens nunca poderão"


"As letras das músicas podem ensinar algo às crianças.

Não é apenas diversão.

Você não vai conseguir divertir uma pessoa

que está com medo ou com fome"


"Desisti de você mais não pense que desisti por não ter mais forças para lutar e sim por não ter mais condições de sofrer

"Para quê beber e dirigir se posso fumar e viajar"


"Não quero lutar não cara, não com canhões;

Devo brigar por meus direitos. Meus direitos devem vir

para mim. Você defende seu direito (sua razão )"

“O grande acontecimento musical dos anos 70 não veio da Europa, nem dos Estados Unidos, os habituais donos do jogo. Furando o bloqueio, veio de uma ilha pobre e mestiça das Américas, ex colónia, Jamaica. Seu nome é reggae, e os Waillers são seus profetas.”

“A música dos Waillers é fruto de um movimento de gente muito grande, é fruto do movimento de negros através da América, através do mundo. Cultura ancestral e moderna, a única que pretende levar o homem em liberdade através das estrelas.”


Mais em:

http://kafekultura.blogspot.com/2007/08/citaes-de-bob-marley.html

http://kafekultura.blogspot.com/2008/08/citaes-de-bob-marley-2.html

http://kafekultura.blogspot.com/2008/12/citaes-de-bob-marley-3.html



Novas sobre a Via Láctea

A Via Láctea é consideravelmente maior, girando mais rápido, ocupando mais espaço, massa, volume e tempo, do que os astrónomos pensavam. Tão grande como Andrómeda!


Os cientistas mapearam a Via Láctea, de uma forma mais detalhada, tridimensional e descobriram que ela é 15 por cento maior em largura.

Mais importante ainda, a Via Láctea é mais densa do que se pensava, apresenta 50 por cento mais massa, que é como fosse peso. Os novos dados foram apresentados na passada segunda-feira, na convenção da Sociedade Astronómica Americana, em Long Beach, na Califórnia.


Essa diferença significa muito.


Não é necessariamente uma boa notícia. Uma Via Láctea maior significa que a nossa galáxia embaterá mais cedo do que o previsto, com a vizinha galáxia Andrómeda.


Mas não se preocupe. Isso é daqui a pelo menos 2 a 3 biliões de anos.



quinta-feira, janeiro 15, 2009

Milagre no Hudson

«'Milagre no Hudson' poderia ser o título de um filme, mas a realidade ultrapassa a ficção. Um Airbus A230 amarou no Rio Hudson, Nova Iorque, depois de ter atingido um bando de aves. Todos os 153 passageiros e tripulantes sobreviveram ao acidente.» in Sol



quarta-feira, janeiro 14, 2009

Gabriel, o Pensador, Cachimbo da Paz


A cri... (cough)
A cri... (cough)

A criminalidade toma conta da cidade
A sociedade põe a culpa nas autoridades
O cacique oficial viajou pro Pantanal
Porque aqui a violência tá demais
E lá encontrou um velho índio que usava um fio dental e fumava o Cachimbo da Paz
O presidente deu um tapa no cachimbo e na hora de voltar pra capital ficou com preguiça
Trocou seu palitó pelo fio dental e nomeou o velho índio pra Ministro da Justiça

E o novo ministro, chegando na cidade, achou aquela tribo violenta demais
Viu que todo cara-pálida vivia atrás das grades e chamou a TV e os jornais
E disse: "Índio chegou, trazendo novidade índio trouxe Cachimbo da Paz"

Maresia, sente a maresia, maresia...
Apaga a fumaça do revólver, da pistola
Manda a fumaça do cachimbo pra cachola
Acende, puxa, prende, passa
Índio quer cachimbo, índio quer fazer fumaça

Todo mundo experimenta o cachimbo da floresta
Dizem que é do bom, dizem que não presta
Querem proibir, querem liberar
E a polêmica chegou até o congresso,

Tudo isso deve ser pra evitar a concorrência
Porque não é Hollywood mas é o sucesso
O Cachimbo da Paz deixou o povo mais tranquilo
Mas o fumo acabou porque só tinha oitenta quilos
E o povo aplaudiu quando o índio partiu pra selva e prometeu voltar com uma tonelada

Só que quando ele voltou "Sujou"!
A Polícia Federal preparou uma cilada
_"O Cachimbo da Paz foi proibido.
Entra na caçamba vagabundo! Vamô pra DP!
Ê, ê, ê! Índio tá fudido porque lá o pau vai comer!"

Maresia, sente a maresia, maresia...
Apaga a fumaça do revólver, da pistola
Manda a fumaça do cachimbo pra cachola
Acende, puxa, prende, passa
Índio quer cachimbo, índio quer fazer fumaça

Na delegacia só tinha viciado e delinquente
Cada um com um vício, um caso diferente
Um cachaceiro esfaqueou o dono do bar porque ele não vendia pinga fiado
E um senhor bebeu uísque demais, acordou com um travesti e assassinou o coitado
Um viciado no jogo apostou a mulher, perdeu a aposta e ela foi sequestrada

Era tanta ocorrência, tanta violencia, que o índio não tava entendendo
Ele viu que o delegado fumava um charuto fedorento e acendeu um"Da Paz" pra relaxar
Mas quando foi dar um tapinha, levou um tapão violento e um chute naquele lugar

Foi mandado pro presídio e no caminho assistiu um acidente causado por excesso de cerveja:
Uma jovem que bebeu demais atropelou um padre e os noivos na porta da igreja
E pro índio nada mais faz sentido
Com tantas drogas porque só o seu cachimbo é proibido?

Maresia, sente a maresia, maresia...uuulll
Apaga a fumaça do revólver, da pistola
Manda a fumaça do cachimbo pra cachola
Acende, puxa, prende, passa
Índio quer cachimbo, índio quer fazer fumaça

Na penitenciaria o "índio fora da lei" conheceu os criminosos deverdade
Entrando, saindo e voltando cada vez mais perigosos pra sociedade

Aí, cumpadí, tá rolando um sorteio na prisão
Pra reduzir a superlotação todo mês alguns presos tem que ser executados
E o índio dessa vez foi um dos sorteados e tentou acalmar os outros presos:
"Peraí, vâmo fuma um Cachimbinho da Paz"...
Eles começaram a rir e espancaram o velho índio até não poder mais

E antes de morrer ele pensou: "essa tribo é atrasada demais. Eles querem acabar com a violência, Mas a paz é
contra lei e a lei é contra paz"

E o Cachimbo do Índio continua proibido
Mas se você quer comprar é mais fácil que pão
Hoje em dia ele é vendido pelos mesmos bandidos que mataram o velho índio na prisão.

Maresia
sente a maresia
Maresia.. uuulll
Apaga a fumaça do revólver, da pistola
Manda a fumaça do cachimbo pra cachola
Acende, puxa, prende, passa
Índio quer cachimbo, índio quer fazer fumaça

Maresia
sente a maresia
Maresia.. uuulll
Apaga a fumaça do revólver, da pistola
Manda a fumaça do cachimbo pra cachola
Acende, puxa, prende, passa
Índio quer cachimbo, índio quer fazer fumaça

Mais em:

http://kafekultura.blogspot.com/2008/06/gabriel-o-pensador.html

http://kafekultura.blogspot.com/2008/07/gabriel-o-pensador-racismo-burrice.html

http://www.gabrielopensador.com.br/

http://bloglog.globo.com/gabrielopensador/

http://www.gpensador.com/

terça-feira, janeiro 13, 2009

Por detrás de portas fechadas…


Bem recentemente pedia-me o autor do livro «Toda a verdade sobre o Clube Bilderberg», Daniel Estulin, editado pela Publicações Europa América, para lhe fazer um ponto da situação, onde poderia encontrar o livro à venda, livro que foi editado bem recentemente.

Após percorrer várias livrarias do Centro do País, em diversas localidades e cidades, só encontrei este livro à venda, pasme-se, somente na Box (grupo Auchan), em Coimbra.

A Bertrand e a Almedina não tinham o livro à venda(!)

Não acredito em bruxas, mas que as há, há…

http://www.europa-america.pt/product_info.php?products_id=5600

Promessas...


Palavras leva-as o vento, agora parece que não é bem assim, afinal as prestações da casa, não vão baixar.

Tratou-se tudo de um mal entendido.

Por parte da comunicação social e da Televisão, que induziram as pessoas em erro. Foi esta a informação obtida ao balcão duma agência bancária do MillenniumBCP (passe a publicidade).

O que dizer das palavras do Primeiro-ministro, no discurso de Natal e do final do ano?

Tretas!

Tudo tretas!

Hoje à hora do jantar (telejornal), fomos brindados com mais um volte face, afinal os juros vão subir…

Que imoralidade.

Quem paga a crise é a classe média…

E ninguém pede contas aos lucros fabulosos, que a banca teve nos anos anteriores?

Cada vez acredito menos na classe política em Portugal…

Haja moralidade meus senhores!


http://economia.publico.clix.pt/noticia.aspx?id=1355967&idCanal=57


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...