quinta-feira, Janeiro 26, 2012

quarta-feira, Janeiro 25, 2012

George Soros lá saberá do que fala



O empresário e multimilionário George Soros afirmou estarem próximos os confrontos nas ruas dos Estados Unidos e alertou para a possibilidade do colapso do sistema económico mundial.
Em entrevista à revista Newsweek, Soros, de 81 anos, afirmou que preferia sobreviver a ficar rico à medida que o mundo enfrenta um período "malévolo" e a Europa luta para evitar "cair no caos e no conflito".
O homem que apoiou o euro, comprou dois mil milhões de acções da Europa e insistiu que o clima económico é idêntico ao que se vivia na Grande Depressão de 1930, explicou que o euro tem de sobreviver porque a alternativa seria uma desintegração que nem a Europa nem o mundo suportaria.
O sobrevivente húngaro do Holocausto compara a actual crise económica ao colapso da União Soviética e diz que as pessoas não estão a perceber na totalidade o que se está a passar.
Em sua opinião, um colapso do euro poderá "reavivar os conflitos políticos que despedaçaram a Europa durante séculos" e aumentar o racismo.

 

segunda-feira, Janeiro 23, 2012

Choque de civilizações na Nigéria

 
Enquanto andamos todos distraídos com a crise, com o naufrágio do Costa Concordia em águas italianas, o Mundo pode estar à beira de uma guerra sem quartel no Médio Oriente.

Contudo na nação mais populosa de África, a Nigéria, há sinais de fumo que nos deveriam deixar a todos muito preocupados, a perseguição movida por extremistas islâmicos a católicos.

O ataque, reivindicado pela facção radical islâmica "Boko Haram", envolveu duas dezenas de explosões e tiroteios, contra oito alvos, incluindo instalações da polícia e dos serviços de imigração e a residência de um responsável da polícia.

O balanço oficial regista 178 mortos confirmados, mas fontes hospitalares referidas por várias agências notam que o número final será superior a 200, podendo "chegar aos 250", disse à AFP um médico do principal hospital da cidade de Kano – segunda maior cidade da Nigéria.

A situação levou as autoridades nigerianas a decretar o recolher obrigatório durante 24 horas, recorda a agência de notícias EFE.

O grupo Boko Haram - que significa "a educação não islâmica é pecado" - já veio explicar que o ataque foi uma resposta à recusa do governo em libertar vários dos seus membros actualmente na prisão.

Entretanto, foi registado um novo ataque numa outra cidade do norte da Nigéria, que já terá feito nove mortos e 12 feridos: homens armados invadiram durante a noite a cidade Tafawa Balewa, no estado de Bauchi.

De acordo com um líder tradicional do grupo Sayawa, os responsáveis pelos ataques são os elementos do grupo Hausa-Fulani, de étnica muçulmana.

O ódio e a intolerância religiosa ameaçam desta vez pular as fronteiras do Norte da Nigéria e estender-se a outras partes do continente africano e não só…

Preocupantes sinais do tempo…

domingo, Janeiro 22, 2012

Um insulto para todos os portugueses

 
“O Presidente da República disse ontem que recebe 1300 euros mensais da Caixa Geral de Aposentações (CGA), mas que não sabe quanto irá auferir do Banco de Portugal, adiantando contudo que enquanto quadro do banco central ocupava o nível 18 da tabela, o mais alto, com o cargo de director.
O Expresso apurou que o nível 18 da tabela do Banco de Portugal, para a qual Cavaco Silva remeteu os jornalistas, tem por base mínima 2343 euros por mês e máxima 3735 euros. Valor ao qual se pode juntar ainda complementos de reforma que podem chegar a um máximo de 4500 euros. Se o Presidente estiver  no topo da tabela receberá, com o complemento, 8235 euros. 
Com as declarações feitas hoje no Porto, segundo o gabinete do Presidente da República, Cavaco Silva quis salientar que como professor, ao fim de 40 anos de desconto, tem apenas uma pensão de 1300 euros. "Tudo somado, o que irei receber do Fundo de Pensões do Banco de Portugal e da Caixa Geral de Aposentações quase de certeza que não vai chegar para pagar as minhas despesas porque como sabe eu também não recebo vencimento como Presidente da República", disse.
De acordo com a sua declaração de rendimentos em 2009, o Presidente da República recebia cerca de 10 mil euros brutos por mês, relativos à pensão do Banco de Portugal (BdP) e da Caixa Geral de Aposentações (CGP), para onde descontou como professor universitário e investigador da Gulbenkian.
Anibal Cavaco Silva recebe da CGA, com disse, 1300 euros por mês. E quanto ao resto, apesar de evocar ser fácil de ver na tabela do Banco de Portugal, a quantia não se consegue precisar: a tabela não tem um valor certo e não inclui os complementos de reforma habituais.
Em 2009, o valor do seu vencimento mensal situar-se-ia em cerca de 8700 euros, tendo em conta a declaração de rendimentos entregue pelo PR em 2010, relativa aos rendimentos auferidos a título de pensões, segundo publicou o Diário de Notícias.
Em Janeiro de 2011, Cavaco Silva abdicou do vencimento enquanto Presidente da República, no valor de 6523 euros (já com os cortes de 5% em 2011 e 10% em 2011), optando por receber as reformas da CGA e do Banco de Portugal. Uma decisão que tomou na sequência da lei que o inibia de acumular a remuneração como Presidente da República e as reformas a que tinha direito.
O Presidente da República não esclareceu, mas as dúvidas que terá em relação ao valor da pensão que recebe como reformado do Banco de Portugal deverão estar relacionadas com o facto de não se saber ainda se os reformados do banco central irão ou não receber os subsídios de férias e de natal.
Aos funcionários do Banco de Portugal no activo já foi pago, em Janeiro, o subsídio de férias, mas há dúvidas jurídicas sobre se os reformados do banco central deverão ou não receber os subsídios de férias e de natal. Ou seja, aparentemente o que estará em causa é se Cavaco Silva receberá ou não os subsídios. A pensão mensal mesmo podendo ter cortes, não deverá ser muito diferente dos 8700 que o Presidente da República auferiu em 2009. Questionado, o Banco de Portugal afirma que não pode esclarecer o assunto.
Entre as reformas douradas do Banco de Portugal, além de Cavaco Silva, encontram-se nomes como o da ex-ministra das Finanças Manuela Ferreira Leite e o ex-governador José Silva Lopes. “ in Expresso

Coitadinho do Senhor Silva...


Um insulto a todos os portugueses com baixas reformas… que recebem  entre 200 a 300 euros e tem de pagar casa, água, luz, gás, alimentação e medicamentação, viver ou sobreviver, eis a questão?

sábado, Janeiro 21, 2012

quinta-feira, Janeiro 19, 2012

Gabriel Pensador, até quando?



Até quando?
Não adianta olhar pro céu
Com muita fé e pouca luta
Levanta aí que você tem muito protesto pra fazer
E muita greve, você pode, você deve, pode crer
Não adianta olhar pro chão
Virar a cara pra não ver
Se liga aí que te botaram numa cruz e só porque Jesus
Sofreu não quer dizer que você tenha que sofrer!
Até quando você vai ficar usando rédea?!
Rindo da própria tragédia
Até quando você vai ficar usando rédea?!
Pobre, rico ou classe média
Até quando você vai levar cascudo mudo?
Muda, muda essa postura
Até quando você vai ficando mudo?
muda que o medo é um modo de fazer censura

Até quando você vai levando? (Porrada! Porrada!!)
Até quando vai ficar sem fazer nada?
Até quando você vai levando? (Porrada! Porrada!!)
Até quando vai ser saco de pancada?

Você tenta ser feliz, não vê que é deprimente
O seu filho sem escola, seu velho tá sem dente
Cê tenta ser contente e não vê que é revoltante
Você tá sem emprego e a sua filha tá gestante
Você se faz de surdo, não vê que é absurdo
Você que é inocente foi preso em flagrante!
É tudo flagrante! É tudo flagrante!!

A polícia
Matou o estudante
Falou que era bandido
Chamou de traficante!
A justiça
Prendeu o pé-rapado
Soltou o deputado
E absolveu os PMs de Vigário!

A polícia só existe pra manter você na lei
Lei do silêncio, lei do mais fraco
Ou aceita ser um saco de pancada ou vai pro saco
A programação existe pra manter você na frente
Na frente da TV, que é pra te entreter
Que é pra você não ver que o programado é você!
Acordo, não tenho trabalho, procuro trabalho, quero trabalhar
O cara me pede o diploma, não tenho diploma, não pude estudar
E querem que eu seja educado, que eu ande arrumado, que eu saiba falar
Aquilo que o mundo me pede não é o que o mundo me dá
Consigo um emprego, começa o emprego, me mato de tanto ralar
Acordo bem cedo, não tenho sossego nem tempo pra raciocinar
Não peço arrego, mas onde que eu chego se eu fico no mesmo lugar?
Brinquedo que o filho me pede, não tenho dinheiro pra dar!
Escola! Esmola!
Favela, cadeia!
Sem terra, enterra!
Sem renda, se renda! Não! Não!!

Muda que quando a gente muda o mundo muda com a gente
A gente muda o mundo na mudança da mente
E quando a mente muda a gente anda pra frente
E quando a gente manda ninguém manda na gente!
Na mudança de atitude não há mal que não se mude nem doença sem cura
Na mudança de postura a gente fica mais seguro
Na mudança do presente a gente molda o futuro!

Até quando você vai ficar levando porrada,
até quando vai ficar sem fazer nada


Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...