segunda-feira, Novembro 09, 2009

CIA quer controlar Internet


A CIA decidiu investir na Visible Technologies, uma empresa que se dedica a controlar as redes sociais da Internet, para ver as que ideias se propagam on line e quem exerce mais influência.

Cada vez mais autores de blogs se queixam das constantes visitas diárias vindas do lado de Montain View, Califórnia, EUA, todos os dias somos monitorizados, aparentemente pelo Google (a mando de quem?).

Da ética?

Da Moral?

Dos bons costumes?

Aparentemente, os Senhores do Mundo tem visto os seus desígnios ser contrariados através da rede, como por exemplo, no caso da Gripe A, agora querem passar à acção.

A esta hora, provavelmente todos os autores de blogues tem uma ficha, sobre o conteúdo dos mesmos e sobre as matérias que lá são publicadas.

Ora, ora, fantasia meu caro!

Qual fantasia, contraponho eu, a Agência Central de Inteligência americana, através do departamento Serviço Clandestino Nacional, entrou no Facebook com o objectivo de contratar agentes que notabilizassem na rede. Na ocasião houve até alguma polémica, tendo mesmo surgido um movimento na rede que contesta a presença dos serviços secretos americanos na rede social. O grupo de internautas já vai nos 870 membros que exigem que a CIA não pesquise currículos nem dados pessoais através da rede social. Uma exigência, diz este grupo liderado por Lindberg Williams “em nome das liberdades civis e por respeito à Democracia que é o Facebook.”

Isto para não falarmos do Echelon – activo há vários anos - sistema que permite a monitorização de voz e dados, a nível mundial.

Ai você perdeu o pio…


1 comentário:

ACrivelli - A Tribuna disse...

Isso é apenas consequência da abertura da consciencia humana. Se ninguem estivesse se utilizando da internet para divulgar a verdade aos quatro cantos do mundo, a CIA ou quem quer que seja que esta por trás disso não estariam preocupados.
A lei de ação e reação, lembra?
É isso ai, estamos na luta!

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...